Hematologia

Para este grupo de exames deve-se colher o sangue com anticoagulante. O EDTA é o anticoagulante de eleição para obtenção do Sangue Total. Após a coleta procede-se a homogeneização suave para evitar hemólise.

O Sangue Total é utilizado para Hemograma completo, Leucograma, Eritrograma, Contagem de Plaquetas, Contagem de Reticulócitos e Pesquisa de Hematozoários (Babesia, Anaplasma, Ehrlichia, Trypanosoma, Microfilárias, Haemobartonela) e outros.

Sempre que possível, recomenda-se à confecção do esfregaço sangüíneo. Este deve ser bem delgado e realizado imediatamente após a coleta do sangue. Um bom esfregaço é adquirido através da distenção de uma pequena gota de sangue numa lâmina, com o auxílio de outra lâmina em ângulo de aproximadamente 45° graus.

Mielograma

O exame da medula óssea é utilizado para avaliar e acompanhar as alterações hematopoiéticas, estágios de linfomas e leucemias; ainda para pesquisa de parasitas como a Leishmania sp.

Na coleta, após a escolha do local, é realizado uma assepsia criteriosa da área. Em seguida é realizada a punção medular. As vantagens do aspirado da medula óssea incluem a visualização de particularidades celulares do material obtido, além de fornecer resultados rápidos e a um custo relativamente baixo.

Locais indicados para coleta de sangue nos animais:

Caninos e felinos: veia jugular, cefálica ou safena;

Eqüídeos: veia jugular;

Ruminantes: veia jugular, mamária e coccígea média;

Suínos: veia jugular e auricular.


EXAME


AMOSTRA

Coagulograma Sangue total
Contagem de Reticulócitos Sangue total
Eritrograma Sangue total
Eritropoetina Soro ou plasma sanguíneo
Fibrinogênio Sangue total
Hemograma Completo Sangue total
Leucograma Sangue total
Mielograma Aspirado de medula óssea